5 costumes espanhóis que são estranhos para os brasileiros



Não estamos nos referindo às touradas, mas sim a coisas simples do dia-a-dia, começando pelo horário de comer. A maioria dos brasileiros costuma almoçar por volta do meio dia, certo? 
Na Espanha não é bem assim, o horário em que os espanhóis almoçam é bem diferente do nosso. Confira essa e outras diferenças entre os costumes no Brasil e na Espanha.


 Almoçar às 14 horas

 Na Espanha, as pessoas costumam almoçar às 14 horas. Você deve estar se perguntando como eles conseguem comer tão tarde, será que não bate aquela fome antes disso? 
Aí está outra diferença, os espanhóis dormem mais tarde e acordam mais tarde que nós. Além disso, eles costumam fazer um lanchinho por volta das 10 horas.


Traduzir nomes
 Outro costume espanhol diferente do brasileiro é a tradução de nomes. Quem pintou a Capela Sistina foi Michelangelo, certo? Não na Espanha, lá quem pintou a Capela foi Miguel Ângelo.


Ver apenas filmes dublados nos cinemas
 No país das touradas, todos os filmes costumam ser exibidos no cinema dublados. É muito raro, muito raro mesmo, encontrar um cinema que exiba filme legendado. 
No entanto, as pessoas não se incomodam muito com isso, os espanhóis de maneira geral preferem assistir a filmes dublados.


Registrar os filhos com o sobrenome do pai antes do da mãe
 Ao contrário do que acontece no Brasil, o sobrenome do pai vem antes do da mãe. Por outro lado, lá o sobrenome do pai também é o mais “importante”, como acontece no Brasil.


Dar dois beijinhos
Em algumas regiões do Brasil as pessoas se cumprimentam com um um e até dois beijinhos, mas na Espanha dar dois beijinhos para dizer “oi” é praticamente uma regra. 
Para eles se trata apenas de uma forma de cumprimento mesmo, como um aperto de mão, enquanto aqui os beijinhos tem uma conotação mais afetiva. Ah, e nada de lábios tocando as bochechas, é bochecha com bochecha mesmo.

Tecnologia do Blogger.