As 11 mordidas mais fortes do mundo animal


Você já ficou se perguntando qual a mordida mais forte do mundo animal?
Então hoje tiraremos sua dúvida. As mordidas são medidas em PSI ou libras por polegada quadrada.
Confira agora as 11 mordidas mais fortes do mundo animal:


11º - Tubarão touro - 580 PSI
Um estudo de cientistas de uma universidade da Flórida, nos Estados Unidos, concluiu que o tubarão touro (também conhecido como tubarão-de-cabeça-chata) tem a mordida mais forte entre as espécies de tubarão.


10º - Leão – 600 PSI
Talvez seja surpreendente a décima posição com o rei da selva. Os leões são os únicos felinos sociais no mundo. E são tão cooperativos na caça que esta pode ser uma das razões da evolução em relação à mordida fraca entre os grandes felinos.
O rei dos animais consome de 5 a 7 quilos de carne diariamente. A mordida sufoca gnus, antílopes e zebras, detendo-os através da força até que os mesmos parem a respiração. O leão possui caninos longos, de até 6 cm, e ainda pontiagudos.


9º - Tigre – 1050 PSI
Esta é a maior espécie da família dos felinos e é um caçador solitário. E podem crescer acima de 3.5 m e pesar até 360 quilos. Os tigres tendem como leões, a morder o pescoço da sua presa para cortar o fluxo de ar e sangue para cabeça, mas quase com o dobro da força do leão. Normalmente evitam os seres humanos, mas os ataques têm sido relatados em todo o mundo.


8º - Hiena – 1100 PSI
A hiena possui uma das mordidas mais poderosas do reino animal, com relato de ossos esmagados de uma girafa sem muita dificuldade. Talvez este comportamento seja natureza da sua forte mandíbula, sendo necessária maneira muito poderosa para chegar até a medula no interior dos ossos deixados pelos leões e outros grandes predadores. Contrariamente à crença popular, as hienas caçam suas presas, e ironicamente, os leões são roubados freqüentemente.


7º - Urso-pardo – 1200 PSI
Esta sub espécie de urso é conhecida por seu incrível tamanho e agressividade. Apesar de seu tamanho enorme, pode se mover a uma velocidade de 65 km/h. E se alimentam principalmente de frutos e castanhas, mas também são caçadores. Acredita-se que a mordida foi desenvolvida como mecanismo de defesa, pois devido ao tamanho, são incapazes de subir em árvores.


6º - Gorila – 1300 PSI
Pela sua natureza vegetariana poderia ser uma surpresa que o gorila possua uma mordida tão potente. 
Suas mandíbulas são adaptadas principalmente para mastigar muito forte, com dureza, como plantas de bambu, que lhes deu forte musculatura em mandíbula e pescoço. Apesar da sua aparência imprudente e fama tradicional de mostro, sua imagem mudou ao passar dos anos.


5º - Hipopótamo – 1820 PSI
Este é um poderoso herbívoro e um dos mamíferos mais temidos da África. São muito agressivos e territoriais e houve ataques a pequenas embarcações de tripulantes. Só foi registrada com êxito a mordida da fêmea, pois machos são muito difíceis de teste pela agressividade.


4º - Jaguar – 2000 PSI
O Jaguar possui a mordida mais forte dos grandes felinos, e de acordo com resultados, a mordida mais forte dos mamíferos. Como a maioria dos grandes felinos, a onça pintada é um caçador solitário, mordendo a presa pela cabeça. A sua mordida é tão forte que pode facilmente penetrar no casco de uma tartaruga.


3º - Jacaré-americano – 2125 PSI
Sua dieta consiste de pequenos peixes, tartarugas e mamíferos. Um estudo da National Geografic revela que estes têm uma mordida de 2125 PSI, mas poderia ser maior, porque não foram realizados testes em amostras maiores.


2º - Crocodilo de Água Salgada – 3700 PSI
Os crocodilos de água salgada mostraram um dos maiores registros no experimento NatGeo mencionados anteriormente, apenas foram incluídos exemplares não muito grandes, e diz-se que se houvesse amostras maiores, poderia ultrapassar 7000 PSI. Este crocodilo é segunda posição na seleção das 10 mordidas de animais mais poderosas.


1º - Crocodilo do Nilo – 5000 PSI
No experimento da National Geographic, os testes feitos com esta espécie apontaram mais baixo do que níveis de água do mar, mas a maioria das fontes tem o crocodilo do Nilo na faixa de 5000 PSI. Isso pode variar muito em relação às espécimes que as provas e dificuldades de medição são feitas.

Tecnologia do Blogger.