Confira as 18 coisas mais velhas do mundo



Nosso mundo já tem mais de 4 bilhões de anos, por isso, o que mais podemos encontrar por aqui são antiguidades. Mas quais serão as coisas mais antigas de todas?
Confira agora as coisas mais velhas do mundo:


Água
 Dentro de um reservatório natural, que fica a mais de 2,4 quilômetros de profundidade, foi encontrada a água mais antiga do mundo. Ela data mais de 1,5 bilhões de anos e pode ter, até mesmo, 2,6 bilhões de anos. 
Os cientistas, que a descobriram, acreditam que ela possa conter algumas evidências das primeiras formas de vida de nosso planeta.


Primata
 Assim como os macacos, os seres humanos também são primatas, por isso é muito importante para a humanidade descobrir a origem desses seres, que pode mostrar o nosso próprio surgimento. O mais antigo fóssil de um primata encontrado no mundo tem 55 milhões de anos. 
Ou seja, ele estava andando na Terra apenas 10 milhões de anos após a extinção dos dinossauros.


Globo
 O planeta Terra só teve todos seus cantos explorados há “pouco” tempo. Tanto que o mapa mais antigo data pouco mais de 500 anos. 
O interessante é que ele foi feito em um ovo de avestruz, o que permitiu que sua data fosse descoberta com grande precisão, pois o ovo desse animal perde 10% de sua densidade a cada 100 anos.


Chocolate
 Esse, que é um dos maiores vícios da humanidade atualmente, possui uma história bem longa. Os primeiros registros de chocolate encontrados datam 3000 anos! Essas evidências foram descobertas em cerâmicas rituais no Vale Ulua. 
Foi graças a teobromina que os pesquisadores puderam descobrir que o conteúdo desses potes um dia foi chocolate, pois tal substância só é encontrada na flor do cacau.


Veneno
Em uma escavação na África do Sul, alguns cientistas encontraram uma grande surpresa: O veneno mais velho do mundo! Datando 44 mil anos de idade, o veneno usado parecia servir para ajudar na caça, pois era misturado a cera de abelha e passado em armas encontradas no local.


A árvore mais velha do mundo
A árvore mais velha (e ainda viva) do mundo tem 5 mil anos de idade! Ela é da espécie Pinus longaeva e se encontra em White Mountains, na Califórnia. 
Ela foi descoberta apenas em 2013, antes disso uma vizinha dela tinha o título, mas como a concorrente tinha vivido apenas 4800 anos, acabou perdendo seu título.


O mais antigo restaurante do McDonald’s
Toda grande empresa tem sua origem e a do McDonald’s fica na cidade de Downey, na Califórnia (como tem coisas velhas por lá). Esse restaurante abriu no dia 18 de agosto de 1953 e funciona até os dias de hoje, tendo, praticamente, a mesma aparência que tinha na inauguração. O lugar é um ponto turístico enorme e está concorrendo a uma vaga Registro Nacional de Locais Históricos.


Computador mais antigo da história que ainda funciona
O mais velho computador, que consegue realizar tarefas, é o Harwell Dekatron Computer, que é da época pré-transistor. 
Ele funciona com relés, usa fitas de papel, para a entrada e armazenamento de programas, mas, em contrapartida, ele já tinha uma espécie de memória volátil, muito semelhante a RAM atual. Desde sua restauração no ano de 2009, ele funciona normalmente e serve para ajudar estudantes a conhecerem a história da computação e ver como o processo antigo era diferente do atual


Chiclete
Todo mundo pensa que chiclete é coisa moderna, mas muito antes do Império Romano se firmar, já existiam pessoas mascando por aí. Um estudante de arqueologia, que vive na Finlândia, encontrou uma goma de mascar que data 5 mil anos de idade! O chiclete, feito de casca bétula, contém substâncias antissépticas, o que ajuda no combate a infecções. Talvez seja por isso que esse tipo de goma era mascada na época.


Sapato
Se hoje você usa um Nike ou Adidas com amortecedores e todo o tipo de tecnologia, é porque, em algum momento do passado, alguém inventou o tênis. Em 2010, durante uma escavação na Armênia, foi encontrado o que pode ser considerado o pai de todos os tênis. 
O sapato, que tem, segundo datação de radiocarbono, 5500 anos de idade, apresenta bastante desgaste no calcanhar e na frente, revelando uma utilização intensa. O tamanho desse sapato é 37 e o único pé encontrado foi o direito.


Instrumento musical
O instrumento musical mais antigo que encontramos no mundo é tão velho que parece mentira. Descoberto em 2010, um par de flautas, feitas de marfim de osso de mamute (isso mesmo, ainda existiam mamutes nessa época), data 42 mil anos de idade!


Bolsa
As mulheres e as bolsas parecem ter uma história juntas que é muito mais antiga do que se pensava. Descoberta em uma cova na Alemanha, a bolsa, feita de couro, tem dentes caninos como decoração. A datação dela revelou uma idade de 4500 anos.


O preservativo mais antigo do mundo
Nós tendemos a pensar que a camisinha é algo moderno, inventada para evitar a gravidez e as doenças. No entanto, o homem da Idade Média já conhecia a importância de se preservar. Os mais antigos preservativos encontrados foram descobertos em Lund, na Suécia, e em Birmingham, na Inglaterra. 
A camisinha sueca era produzida com intestino de porco e foi encontrada completamente intacta, juntamente com um manual de usuário escrito em latim. Os preservativos ingleses eram feitos de intestino de animais e peixes. Acredita-se que as camisinhas podem ter sido utilizadas durante a guerra entre Cromwell e o Rei Charles I, por volta de 1640.


O Lago mais antigo do mundo
Um quinto da água doce do planeta está localizada no Lago Baikal, no sudeste da Sibéria. O Baikal não é apenas o lago mais antigo do mundo, mas também o mais profundo, tendo 1637 metros de profundidade. É estimado que o Lago Baikal se formou há cerca de 25 milhões de anos. 
Este lago gigante tem cerca de 640 km de comprimento e 79 km de largura, além de possuir seu próprio microclima e um ecossistema bastante exclusivo. Cerca de 75% das espécies de plantas e animais que vivem no lago Baikal são encontradas somente neste ambiente.


A mais antiga receita escrita do mundo
A mais antiga receita escrita conhecida no mundo é para fabricar cerveja e tem 4.000 anos de idade. A cerveja era a bebida nacional da Babilônia antiga. Esse trago era tão importante para os sumérios, que eles tinham uma deusa dedicada exclusivamente para a cerveja, a Deusa Ninkasi. A versão escrita da receita foi encontrada em um hino dedicado à esta deusa. 
Na Babilônia, a cerveja era servida em grandes jarras, onde vários canudos eram colocados, permitindo que vários compartilhassem o “néctar” dos deuses. Os babilônios são conhecidos por terem produzido dezesseis tipos diferentes de cerveja e utilizaram uma variedade de grãos, incluindo cevada e trigo, juntamente com mel.


A mais antiga escultura humana
Há milhares de anos, os humanos começaram a dar os primeiros passos no mundo da arte. Primeiramente, eles pintavam suas tarefas diárias em antigas cavernas, mas há 40 mil anos a arte deu um passo importante, que levou essa forma de expressão a um outro nível. Durante muitos anos, o Homem-Leão, uma estátua encontrada em Baden-Württemberg, na Alemanha, foi a mais antiga escultura que mostrava o corpo humano. 
Porém essa estátua tem uma cabeça de leão e datava 32 mil anos. Somente em 2008 que a primeira estátua feita para representar o corpo humano foi achada. Localizada na Alemanha, essa peça de arte tem mais de 40 mil anos de idade e provavelmente foi feita por homens Cro-Magnon, que são os mais antigos representantes humanos da espécie Homo Sapiens encontradas na Europa.


Ser humano
Os seres humanos não surgiram do nada, eles foram aparecendo aos poucos, conforme foram evoluindo de seus ancestrais. Nossos antepassados diretos viveram na Terra há milhões de anos, mostrando que nosso caminho até o que somos hoje foi longo e complicado. Uma das espécies que fez a história de nossa raça foi a Australopithecus afarensis, hominídeos que viveram há 3,4 milhões de anos. 
E é dessa espécie que vem nosso antepassado mais antigo já encontrado. Conhecida como Lucy, o fóssil encontrado em 1974, tem 3,2 milhões de anos e é considerado o primeiro representante humano de toda a história. O fóssil é um dos mais bem preservados da época, tendo 40% de todos os ossos, o que permitiu que seu corpo fosse reconstruído digitalmente:




Ferramentas
Duas coisas fizeram com que a raça humana saísse das cavernas e se tornasse a espécie dominante do planeta Terra. Uma delas foi o domínio do fogo, que nos permitiu uma alimentação melhor e ajudou nosso cérebro a adquirir todo esse poder de processamento. 
Mas antes disso, os seres humanos aprenderam a dominar outra coisa: ferramentas. O domínio das ferramentas foi a principal vantagem humana durante milhões de anos, pois agora eles podiam usar outras coisas além de suas mãos para caçar e se defender. Por isso elas são partes importantes de nossa história evolutiva. Em 2006, na Etiópia, foram descobertas ferramentas com 2,6 milhões de anos de idade. 
Esses objetos, que são os artefatos humanos mais antigos já encontrados no mundo, revelam um dos momentos mais importantes dessa espécie. Essas pedras com pontas cortantes, eram usadas para retirar carne dos ossos de animais. Contudo, nenhum fóssil humano foi descoberto perto dessas ferramentas, fazendo com que o mistério dos criadores delas ainda persista.

Tecnologia do Blogger.